A peça de arte que marca a entrada de Vila Rio

#FollowVilaRio,
17 de May, 2021
A arte como forma de abraçar o bairro Vila Rio e a comunidade
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

Em Vila Rio, a arte surge como um dos vetores de desenvolvimento do bairro. Este é um pressuposto que surge, fruto da vontade da Teixeira Duarte em fazer parte da reconstrução e reabilitação de novas zonas de valor para a cidade, dando força ao projeto de requalificação da frente ribeirinha da Póvoa, já iniciado pelo município.

De olhos postos no futuro, a Teixeira Duarte privilegia a arte como forma de criar um forte sentimento de pertença, preservando a cultura e tradições locais.

É sob esse mesmo mote que surge a inspiração para a futura rotunda de entrada em Vila Rio, onde moram valores e tradições, espelhados numa escultura com a assinatura do artista local, Adão Conde. Visual Artist e ilustrador de profissão, tem vindo a sagrar-se nos vários campos artísticos, e a convite de Vila Rio, idealizou a escultura de um novo barco, figura de prestígio para as cidades à beira-Tejo e na vida do futuro bairro.

Esquisso da Rotunda Vila Rio

Mais do que uma rotunda, um espaço para usufruto público

Esta é apenas uma das peças de arte pensadas para dar vida e alma ao bairro Vila Rio. Uma rotunda que representa o início de novas vias de circulação e de novos espaços públicos, elemento escultórico atrativo que materializa o compromisso de Vila Rio em elevar a qualidade de vida da comunidade. Situada à entrada do bairro, a Rotunda Vila Rio glorifica a grande avenida que lhe dará seguimento, realçando o passado da Póvoa de estreita relação com o Tejo. Esta é uma rotunda que nasce e cresce a partir do rio e, que com “o movimento dos barcos”, transporta a comunidade para o novo bairro.

A obra de Adão Conde é uma homenagem ao culto do rio onde é possível ver uma embarcação única, que tendo sida inspirado no próprio logotipo de Vila Rio, funde na sua forma a representação de diversas tipologias de embarcações. Com oito metros de altura, suportada por uma base de 12 metros de comprimento de azulejo nacional – a obra tem capacidade para se integrar no meio envolvente e simultaneamente servir como figura de destaque no bairro Vila Rio, ornamentando a rotunda de 27 metros de diâmetro.

Da escala urbana à escala humana. Da imaginação à realidade

Inspirado pela ideia de um novo futuro à beira-rio, o artista Povoense combinou linhas retas e curvas, cores e materiais para dar àquele espaço a personalidade que merece, fazendo transparecer o espírito inovador deste projeto, integrado numa zona em constante evolução. Aço corten, betão e azulejo são os três principais materiais usados na escultura. Tipicamente português e pintado à mão, o azulejo artesanal é uma clara referência à água e ao Tejo. Os vários tons de azul representam a ondulação do rio e a sua disposição permite, a quem passa, apreciar diferentes facetas da mesma peça, dependendo da hora do dia. A claridade do sol realça as nuances mais claras de azul, e o reflexo do luar as diferentes variantes de azulejos brancos. De noite, ganham ainda mais expressão com a iluminação cénica escolhida para que todos possam aproveitar o exterior a qualquer hora do dia. 

O projeto, idealizado de raiz, teve em conta diferentes proporções e escalas. Por um lado, afirma-se como elemento de destaque à entrada do bairro. Por outro, ganha vida própria aos olhos de quem passa, devido aos traços e linhas imponentes, e materiais e texturas cuidadosamente selecionados.

De alma orgulhosamente lusa, o bairro Vila Rio tira partido, sempre que possível, daquilo que de melhor se faz em Portugal. De fabrico nacional e com recurso a fornecedores portugueses, o trabalho artesanal do artista Povoense salienta a relação do bairro com o Tejo, as suas gentes, artifícios e modos de vida.

A peça central da rotunda simboliza o ponto de encontro de gerações, comunidades, do passado e do futuro, promovendo a criação de uma identidade, também ela única. Elemento promotor da cultura local, é destacada como marca identitária de um projeto empenhado em requalificar a frente ribeirinha. A construção do bairro Vila Rio é fruto do empenho, compromisso e investimento da Teixeira Duarte em cuidar e valorizar o espaço público.

Entrada Vila Rio – rotunda Vila Rio

Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram

Outras Notícias

Outras Notícias